A primeira e maior rede de apoio ao empreendedorismo feminino do Brasil promove o 1° CAFÉ DE EMPREENDEDORAS EM POÇOS DE CALDAS no Dia Internacional da Mulher


Acontecerá no próximo 08 de março de 2020, quando celebra-se o “Dia Internacional da Mulher”, das 13:30h às 17:00h, no Shopping Poços de Caldas, no auditório do Polo da UNIFEOB, o 1° CAFÉ DE EMPREENDEDORAS EM POÇOS DE CALDAS, promovido pela Embaixadora no município RME – Rede Mulher Empreendedora, Marlene Pintinha, que também é gestora do Instituto Arvorecer, co-realizador do evento.

O café será uma oportunidade de networking entre as mulheres empreendedoras de Poços de Caldas para ideias, apoio, networking e formação da Rede de Empreendedorismo Feminino no município que facilitará a captação de recursos para fortalecimento de negócios para o desenvolvimento local sustentável.

Haverá apresentação institucional da RME e do Instituto Arvorecer pela Embaixadora, com lançamento de projeto empreendedor de impacto em parceria com o Shopping Poços de Caldas, como apoio às mulheres empreendedoras. Em seguida apresentação de “Como ser MEI na prática” por Fernanda Tavares, Assistente do SEBRAE/MG unidade Poços de Caldas. O momento especial será a palestra master com Elda Martinez, líder em empreendedorismo feminino, vicepresidente e presidente do núcleo de empreendedorismo feminino da Associação Comercial de São Caetano do Sul, SP, que abordará o tema “Sabedoria ao Empreender”, falando sobre empoderamento financeiro. As participantes serão agraciadas pela vivência de dança circular com a Talitha Castro, fundadora e facilitadora da InsPirAção Soluções Cooperativas.

O encerramento será com sorteio de prêmios às participantes.

Homens serão bem-vindos!

A inscrição é gratuita pelo Sympla, link: https://www.sympla.com.br/1–cafe-com-empreendedoras-de-pocos-de-caldas__808880

Facebook: https://www.facebook.com/events/576904022896027/?notif_t=aymt_upsell_tip¬if_id=15830803531210 65

O evento é uma Realização:

RME

Co-realização: INSTITUTO ARVORECER

Apoio: SHOPPING POÇOS DE CALDAS SEBRAE SICOOB SAROMCREDI Parceiros:

UNIFAL CAMPUS POÇOS DE CALDAS – núcleo de inovação de Poços de Caldas INSPIRAÇÃO SOLUÇÕES COOPERATIVAS DIRETÓRIO ACADÊMICO DR AFONSO CELSO DE FREITAS PATELLI – Direito PUC/Poços de Caldas-MG

ACIA – Associação Comercial e Industrial de Poços de Caldas

RME Idealizada em 2010, por Ana Lúcia Fontes, a Rede Mulher Empreendedora nasceu durante o “Programa 10 mil Mulheres da FGV”, quando Ana teve a ideia de criar um blog sobre os medos, as dúvidas e as dificuldades do empreendedorismo feminino. Ela percebeu, então, que esses questionamentos eram compartilhados por outras mulheres, que também buscavam ajuda e apoio. A Rede surgia, assim, para suprir essa lacuna.

O empreendedorismo foi apenas o ponto de partida. Em 2017, Ana Fontes resolveu ampliar seus objetivos e criou o Instituto Rede Mulher Empreendedora, focado na capacitação de mulheres em situação de vulnerabilidade.

Um ano depois, em 2018, a relevância da RME se fortaleceu com a criação da Aceleradora Herd, braço responsável por criar programas de desenvolvimento e apoiar projetos e negócios de mulheres. Por assegurar a igualdade de gênero e fortalecer economicamente através do empreendedorismo feminino no Brasil. A Rede Mulher Empreendedora – RME é a primeira e a maior plataforma de apoio ao empreendedorismo feminino do Brasil, com o propósito de empoderar empreendedoras economicamente, garantindo independência financeira e de decisão sobre seus negócios e suas vidas. A RME oferece serviços para empresas que acreditam no empreendedorismo feminino.

Além disso, a RME conta com um grupo no Facebook com mais de 57 mil membros, onde sororidade é promovida por meio de discussões e ajuda mútua. Atuamos em todo Brasil e contamos com a ajuda de nossas 100 Embaixadoras, 50 Influenciadoras.

Além de signatária dos princípios de empoderamento da ONU Mulheres, a RME tem clientes e parceiros que acreditam na causa do empreendedorismo feminino.

Nossa equipe acredita que quando uma mulher é empoderada financeiramente, ela não muda só a realidade de sua família, mas também a da sociedade. Quando a mulher têm negócios que dão certo, elas investem em suas comunidades para que haja um contínuo desenvolvimento e tratam seus públicos de interesse como uma família estendida, pois acreditam no poder colaborativo para melhorar o mundo.

Comentarios está fechado.