Arte Ziriguidum recebe visitas para a exposição ‘Produto Disruptivo’

O Arte Ziriguidum segue apresentando a exposição ‘Produto Disruptivo’ da artista plástica Dalmoni Lydijusse. Aberta gratuitamente para o público de todas as idades, as visitas acontecem mediante agendamento prévio até o dia 13 de julho de 2021, devido às medidas de combate e prevenção à Covid-19.

Com curadoria de Esther Cervini, o trabalho exibe a fase criativa de Dalmoni Lydijusse neste momento de retomada ao seu processo de criação, absorvido nos últimos tempos pela rotina de aulas e intermediação dos processos de outros artistas.

‘Produto Disruptivo’ traz nove retratos em pinturas criadas pela artista plástica, e também, nove textos escritos pelas pessoas retratadas. A experiência subjetiva desse encontro das duas linguagens, a leitura da imagem, mais a leitura do texto, tem levado o público a uma experiência da imaginação.

A exposição pretende ser um meio que proporcione experiências transformadoras, para que as pessoas se sintam instigadas a imaginar e confiar em suas ideias. Ainda mais neste momento tão importante que o país e o mundo atravessam. Desde março de 2020 a maior parte das ações desenvolvidas no espaço do Arte Ziriguidum foram interrompidas devido à pandemia.

É uma forma de proporcionar novamente as possibilidades de encontro com a arte, contribuindo com as relações humanas, já que as artes plásticas sempre foram ferramentas de acesso ao diálogo, sensibilizando individualmente as pessoas que passam a ter contato com ela.

“São retratos, e vejo a cada rosto lugares que se apresentam a mim pela luz solar, que rodopia, em duas ou três horas de generosa pose dada a mim. Como podem me dar o tempo e o olhar? Verão isto? Como cada pessoa se entregou a mim. Há também um autorretrato, em que através de verde azul. Para mim tanto faz. Perguntei, mantenho-me assim? Eu ia me cobrir com outras cores, mas não sei como continuar isto. Já que posso dizer de mim a me inventar”, conta Dalmoni.

A proposta foi viabilizada com recursos da Lei Aldir Blanc no âmbito do estado de Minas Gerais, Edital LAB nº 15/2020 – Seleção de Espaços Culturais de Apresentação Artística, conta com o apoio financeiro da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais e do Governo Federal, através da Secretaria Especial da Cultura / Ministério do Turismo, em produção conjunta do Arte Ziriguidum e da Carvalho Agência Cultural.

PESSOAS RETRATADAS
Para as nove pinturas em tinta acrílica sobre tela, a artista chamou pessoas que admira pela singularidade de suas histórias e que alteraram a sua: Carol Coutinho é psicóloga, analista institucional, esquizoanalista e psicanalista; Carol Sanchez era doutora e mestre em medicina veterinária; Pedro Cezar é músico, produtor e gestor cultural; Tita – Maria José de Souza é pesquisadora na área de humanas; Beatriz Sales da Silva é pedagoga, doutora e mestre em educação; Tomiko Born é assistente social, referência no país em gerontologia; Rafael Zanetti é estudante de arquitetura e urbanismo; e Teresa Mesquita é educadora.

LIVES
Durante todo o mês de maio, foram realizadas diversas lives de bate-papos com Dalmoni conversando com as pessoas retratadas nas pinturas, além da curadora Esther Cervini e o psicanalista Celso Patelli. As lives estão disponíveis no Instagram do Arte Ziriguidum @arteziriguidum.

Comentarios está fechado.