Artistas do Sul de Minas são selecionado no Prêmio de Música das Minas Gerais

As composições Noite de São (Leo Brasileiro), Apenas (Nathália Diniz), Galanga (Mununu), Todo mundo aprende a dançar (Lucas Jaconi) e Viola Cativa (David e Gilmar), de autoria de músicos do Sul de Minas Gerais, foram selecionadas nas classificatórias do Prêmio de Música das Minas Gerais 2021.

A lista dos selecionados foi divulgada no dia 20 de abril, durante Live com organizadores, curadores e patrocinador. O Prêmio está em sua 8ª edição e configura como um dos mais importantes reconhecimentos e valorização dos músicos mineiros.

De acordo com a organização, foram 820 inscrições neste ano, um aumento de mais de 90% em relação à edição anterior e todas as macrorregiões de Minas Gerais foram contempladas, como previa o edital.  A lista completa com os classificados pode ser conferida no site www.premiodemusicaminas.com.br e a live que anunciou o resultado está disponível no canal do Prêmio https://www.youtube.com/PrêmiodeMúsicaMinas

Leo Brasileiro está concorrendo ao Prêmio pela primeira vez e acredita que premiações como estas funcionam para testar a aceitação das músicas em outros ambientes, além de aumentar o alcance de público. “É uma ótima oportunidade de divulgar nossos trabalhos musicais numa escala que, dificilmente alcançaríamos sozinhos tão rapidamente. Estou bem feliz de ter classificado e por ter apoio de grandes músicos amigos para viabilizar a
realização dessa próxima etapa”, comemora.

Este ano, os classificados apresentarão os seus trabalhos em lives acompanhadas pelos jurados do festival. Após as apresentações serão escolhidas 12 bandas/artistas finalistas que terão suas canções inseridas em plataformas de streaming, em um CD digital do Prêmio. As canções selecionadas serão exibidas na live Grande Final do Prêmio de Musical das Minas Gerais 2021, no dia 03 de julho, no canal do YouTube do festival, onde serão revelados os 1º, 2º e 3º lugares, que receberão premiação em dinheiro.

Para a final ainda haverá o show com a cantora e compositora Aline Calixto. Os 60 concorrentes vão receber ajuda de custo para a realização da live, terão sua composição disponibilizada na rádio do Prêmio (site do projeto) e o iMusica oferecerá a distribuição das músicas no Claro música e também em outras plataformas de streaming do mundo, em contrato feito diretamente com os artistas.

Realização
O Prêmio de Música das Minas Gerais 2021 é realizado com recursos da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais, por meio do Governo de Minas Gerais, com o patrocínio da Claro, apoio da Claro música, iMusica, Prefeitura de Nova Lima e da Rádio 98 FM Belo Horizonte e gestão da Espaço Ampliar, da Nossa Senhora das Produções e da Nossa Produtora.

Comentarios está fechado.